03/05/2017 | 6h38m

Em São Leopoldo

Em uma semana, polícia descobre segundo laboratório de drogas no Vale do Sinos

No local, foram apreendidos 40 quilos de maconha, crack e cocaína

Laboratório de drogas foi fechado na madrugada desta quarta-feira

Laboratório de drogas foi fechado na madrugada desta quarta-feiraPolícia Civil / Divulgação / Divulgação

Em apenas uma semana, a Polícia Civil descobriu o segundo laboratório de drogas funcionando no Vale do Sinos. Ao investigar carros roubados e repassados para traficantes, agentes da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV) de São Leopoldo prenderam, na madrugada desta quarta-feira, dois integrantes de uma facção criminosa no bairro Campina, no município.

A dupla, com passagens pelo sistema prisional gaúcho, estava em um galpão utilizado para fabricação e embalagem de drogas. O delegado Rodrigo Zucco, responsável pela investigação, disse que foram apreendidos 40 quilos de maconha, crack e cocaína apreendidos. Três carros roubados também foram localizados pela polícia.

Leia mais:
Alunos são assaltados dentro de escola em Porto Alegre
Guerra entre facções tem 45 presos e seis feridos no Rio de Janeiro

— Essa facção teve um prejuízo inicial nestes sete dias, com as duas operações, de aproximadamente R$ 500 mil — acredita Zucco.

Na semana passada, a equipe da DFRV encontrou outro laboratório de drogas na cidade de Novo Hamburgo, pertencente à mesma facção.

Prejuízo à quadrilha pode chegar a R$ 500 mil, acredita polícia Foto: Polícia Civil / Divulgação